Crônicas

Sobre humanezas e reflexos

Vê? Esses buracos todos da minha humaneza. Enfia neles teus dedos obscenos, remexe o sangue e a dor de estar só nesse mundo. Não diga que está comigo. Estamos sós. Não tenho medo que vejam essa coisa cheia de falhas e fissuras em que me transformei. É bom que encarem, de vez em quando, a crueza do que é ser gente. Essa miudeza. Esses erros. Esses cacos. Apontaram-me o dedo naquele bar de outro dia, pouco importa! Pouco importa que vejam em mim todo o tipo de nudez. Humana a contrapelo, à revelia. Essa porção de carne andarilha, suja, cruel e sozinha. Se olhar bem é tudo criança com medo do escuro, da morte, do que não se vê. Se olhar bem é todo mundo parte dessa massa sedenta gritando na beira do abismo de si. Procurando consistência na vida que escolheu, que teve a maldita sorte de poder escolher. Vê? Esses erros, esse ego, esse nada que ecoa depois mim. Meus restos serão apagados do mundo sem que ninguém os observe, os seus também. Pouco importa que me vejam tão falha e miúda, é isso mesmo que sou, que somos, uma solidão meio nômade, usando uma máscara barata, esperando a hora de poder tirar os saltos e, finalmente, ir pra uma espécie desconhecida de lar. Enquanto não há lar, que vejam esses buracos úmidos, labirínticas inexatidões, nervos e músculos gastos, rudes erros de grafia e imperfeições estéticas. Apontem seus dedos igualmente imperfeitos na minha direção porque sei, que de dentro das minhas chagas, já fiz a mesma coisa com tantos outros miúdos e humanos, falhos, feios, grotescos. Espelhos. Reflexos fiéis de mim.

Anúncios

Um comentário em “Sobre humanezas e reflexos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s